…no LinkedIn

Do líder de TI e seu conhecimento técnico

Como avaliar um profissional de TI

Marketing Digital: Uma presença multiplataforma será cada vez mais exigida pelo público

O que é um site responsivo?

Padronização

Pessoas não deixam empresas, deixam gestores

Você leva sua ética para dentro da Empresa?

en

Marketing Digital: Uma presença multiplataforma será cada vez mais exigida pelo público

[ CorpTV Engenharia de Transmissão | Networking São Paulo ]

Uma presença multiplataforma será cada vez mais exigida pelo público, bem como ações integradas que contribuam para a construção de valor e de marca. Outro ponto que demandará uma adaptação das empresas é a evolução dos indicadores usadas para medir o desempenho das ações na web e no mobile.

Marketing Digital: Uma presença multiplataforma será cada vez mais…

As marcas precisam lidar com um novo perfil de consumidor em plataformas online, os chamados “onívoros” digitais. Uma presença multiplataforma será cada vez mais exigida pelo público, bem como ações integradas que contribuam para a construção de…

Que público? O de profissionais de MKT?

MKT 101. Diretriz Nº 1:

Criar uma necessidade [previamente inexistente] na mente do consumidor.

Basicamente o título remete à (P)romoção do (P)osicionamento do (P)roduto – o Marketing Digital (como uma marca e valor em si mesmo). E não há nada de errado ou repreensível com isso.

Acontece, porém que o MKT tem atualmente avançado com uma tal “voracidade” (ênfase) sobre o “mundo virtual” e os seus representantes (citados acima), a ponto inclusive de subverter o seu papel de agente promocional e se instituir como um produto propriamente dito.

Um sem número de “soluções” e Apps invadem o mercado atualmente – sempre com foco no cliente (em potencial), é claro – nas quais o valor e/ou a marca não é um produto, um serviço e/ou uma solução diferenciada; mas o próprio MKT, per se.

Posso estar equivocado, mas isso me parece uma espécie de “autofagia”, originada da escassês de “alimento”. Com as (verdadeiras, conceituais) marcas e produtos já foram devidamente contemplados, o MKT voltou a sua “gula” (?) para o cliente, em primeiro lugar. O cliente é uma marca; você é o produto. Posicione-se na midia (site e redes sociais). Não tem o que publicar/veicular? Sem problema: compartilhe (a idéia/iniciativa alheia).

O que eu quero pontuar [e quiçá “fazer pensar”] é que essa “onda” chegou a um ponto em que o (P)ropósito e o valor já despertam o nosso interesse, curiosidade ou consideração. Simplesmente continuamos, como o personagem da ficção: “Não sei porque, só sei que é assim”; “vendendo” e “comprando”, ainda que sem “fome”. Construindo a nossa própria obesidade, mórbida…

Capparelli [ mar 2014 ]

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: